domingo, 13 de fevereiro de 2011


Sinceridade de um sentimento


Me disseram outro dia, que o amor é como uma borboleta: você corre atrás dela e, de repente, ela delicadamente pousa em seu ombro. Hoje descobri que estar ao seu lado é como estar num jardim, onde mais do que flores, é a presença de uma borboleta que o torna especial. E por mais que eu ame a borboleta, sei que ela não estará sempre pousada em meu ombro, pois as flores também precisam dela para que o jardim continue existindo. Também aprendi que amores verdadeiros são frutos do tempo, pois somente o tempo confirma a sinceridade de um sentimento. Por isso, devo-lhe que dizer que decido continuar admirando a borboleta, tendo ela comigo em alguns momentos; e permitindo que o jardim continue a existir, de modo que a minha felicidade possa ser plena.
| Wesley M. Ferreira |

Compartilhar

4

4 comentários:

Beatriz Amorim disse...

Nossa!
Que texto mais lindo! *-*
Doce e super delicado! Adorei! (:
Muito fofo o seu blog, querida!
Agradeço pela visita e fico muito feliz que tenha gostado! Será sempre bem vinda! :D

Seguindo você também, flor..
Beijinhos

Vitória. disse...

lindo o texto, lindo o blog, te seguindo:)
beeijo.

Priscilla disse...

Que fofo!
Beijos meus e uma linda semana

Tallita Monteiro disse...

Amei seu blog é um encanto!!!!

Obg pela visitaa...passe sempre por lá!!!


seguindooo**


xeruh**

Postar um comentário